Fronteiras XXI: Verdade e mentira nas redes sociais. Participe

| Mundo

|

Papa Francisco apoia Trump para a liderança dos EUA? Mulher infectou 586 homens com HIV? Grupo de 50 árabes viola mulheres num restaurante na Alemanha? Notícias como estas são totalmente falsas mas foram partilhadas milhares e milhares de vezes nas redes sociais e chegaram a ser até publicadas nos media.

Com quase 2,8 mil milhões de utilizadores em todo o mundo, plataformas digitais como o Facebook ou o Twitter são cada vez mais palco para campanhas de ódio, difamação política e notícias falsas. Vários peritos apontam-nas como uma verdadeira ameaça à democracia e até o Vaticano fez das “fake news” o tema da sua jornada mundial da Comunicação Social.

Ao mesmo tempo, as redes continuam a ser um dos principais meios de denúncia e mobilização social. Portugal não foge à regra como mostram os recentes casos de agressões por seguranças à porta da discoteca Urban, onde a partilha de um vídeo fez em 24 horas mais do que as 38 queixas contra o estabelecimento recebidas pelas autoridades, ou o polémico acórdão envolvendo uma vítima de violência doméstica e citações bíblicas.

Que poder têm as redes sociais? E como podemos torna-las mais seguras? Que ameaças traz a justiça popular nas redes? E como podem os utilizadores proteger-se da difamação ou de ver os seus perfis analisados para campanhas publicitárias e políticas?

Para responder a estas e outras perguntas convidamos a cronista e jornalista Clara Ferreira Alves, um dos maiores peritos em media sociais, o publicitário brasileiro Renato de Paula, o especialista em política internacional Bernardo Pires de Lima e o subdirector de informação da RTP para a área multimédia Alexandre Brito.

Sabia mais em fronteirasxxi.pt e envie as suas perguntas aos oradores aqui:

https://fronteirasxxi.pt/redessociais/#formulario


Não perca no dia 13 de Dezembro às 22 horas na RTP3.

A informação mais vista

+ Em Foco

Uma semana após a extinção do incêndio de Monchique, a televisão pública esteve no barlavento algarvio com uma emissão especial sobre o cíclico flagelo dos incêndios e as alterações climáticas.

    Fãs de Aretha Franklin homenagearam a icónica cantora norte-americana em várias cidades dos Estados Unidos. A rainha da Soul morreu na manhã de quinta-feira na sua casa em Detroit.

      Uma parte central da Ponte Morandi, em Génova, Itália, desabou na manhã de terça-feira durante uma tempestade. Morreram dezenas de pessoas.

        Há uma nova rota turística pela cidade de Lisboa, baseada em memórias de lisboetas mais antigos. São beneficiários da Associação Mais Proximidade Melhor Vida.