Governo húngaro admite levar União Europeia a tribunal

| Mundo
Governo húngaro admite levar União Europeia a tribunal

A ver: Governo húngaro admite levar União Europeia a tribunal

O governo da Hungria admite levar a União Europeia a tribunal. Em causa está a votação do Parlamento Europeu que abriu um procedimento disciplinar ao húngaros por violação das normas do Estado de direito.

As eventuais sanções têm de ser votadas por unanimidade no conselho europeu, mas a Polónia vai exercer o direito de veto.

A informação mais vista

+ Em Foco

O antigo procurador-geral da República do Brasil revelou à RTP que já recebeu várias ameaças de morte e defendeu uma reforma profunda do sistema político brasileiro.

Quando Ana Paula Vitorino indicou Lídia Sequeira, a economista ainda era gerente da sua empresa, o que viola a lei em matéria de incompatibilidades e o dever de imparcialidade.

Em seis anos, as investigações sucederam-se, sem poupar ninguém, da política ao futebol e à banca, seguindo a bandeira da ainda procuradora geral, o combate à corrupção.

    O Conselho Europeu informal de Salzburgo tem em cima da mesa dossiers sensíveis, com a imigração e o Brexit no topo da agenda. A RTP preparou um conjunto de reportagens especiais sobre esta cimeira.