Grupo Estado Islâmico executa 19 civis na Síria

| Mundo

O grupo terrorista Estado Islâmico executou 19 civis, entre os quais duas crianças, numa aldeia da província síria de Deir Ezzor (Este) detida por forças `antijihadistas`, indicou hoje uma organização não-governamental (ONG).

"Combatentes do grupo Estado Islâmico (EI) introduziram-se na aldeia de Jazrat al-Bouchams na sexta-feira à noite e executaram 19 pessoas, entre as quais duas crianças e duas mulheres", disse à agência AFP Rami Abdel Rahmane, diretor do Observatório Sírio dos Direitos do Homem (OSDH).

E prosseguiu: "Executaram-nas com uma bala na cabeça e depois atearam fogo aos cadáveres".

 

Tópicos:

Deir Ezzor, Islâmico, Jazrat,

A informação mais vista

+ Em Foco

Nas ruas das cidades angolanas, as caravanas cruzam-se em ambiente descontraído. O cenário repete-se em M'banza Congo.

Os responsáveis pelo parque prometeram valorizá-lo e vão renovar a frota automóvel e envolver operadores privados nas visitas aos núcleos de gravuras rupestres.

O maior banco francês fez soar os alarmes na Europa ao suspender três fundos de investimento relacionados com créditos nos Estados Unidos.

Natalidade, envelhecimento, turismo, agricultura, emigração, pobreza, saúde, desigualdades. A caminho das autárquicas a Antena 1 fixa o país em 20 retratos.