Homens armados invadem hospital e matam dirigente do Movimento brasileiro dos Sem Terra

| Mundo

Homens armados invadiram na segunda-feira um hospital no Pará, no norte do Brasil, e mataram a tiro Waldomiro Costa Pereira, um dos principais líderes do Movimento dos Sem Terra (MST) na região, noticiaram os `media` locais.

O portal de notícias brasileiro G1 afirmou que Waldomiro Costa Pereira, assessor do gabinete da prefeitura do município, encontrava-se internado há dois dias no Hospital Geral de Parauapebas, depois de ter sido alvo de um ataque.

O incidente ocorreu muito rapidamente, de acordo com relatos de guardas da unidade hospitalar citados pelo G1, mas foi registado pelas câmaras de vigilância.

A polícia civil brasileira abriu um inquérito, acrescentaram.

A informação mais vista

+ Em Foco

Foi considerado o “pior dia do ano” em termos de fogos florestais, com a Proteção Civil a registar 443 ocorrências. Morreram 45 pessoas. Perto de 70 ficaram feridas. Passou um mês desde o 15 de outubro.

    Todos os anos as praias portuguesas são utilizadas por milhões de pessoas de diferentes nacionalidades e a relação ambiental com estes espaços não é a mais correta.

      Doze meses depois da eleição presidencial de 8 de novembro de 2016, com Donald Trump ao leme da Casa Branca, os Estados Unidos mudaram. E o mundo afigura-se agora mais perigoso.

        Uma caricatura do mundo em que vivemos.