Homens armados invadem hospital e matam dirigente do Movimento brasileiro dos Sem Terra

| Mundo

Homens armados invadiram na segunda-feira um hospital no Pará, no norte do Brasil, e mataram a tiro Waldomiro Costa Pereira, um dos principais líderes do Movimento dos Sem Terra (MST) na região, noticiaram os `media` locais.

O portal de notícias brasileiro G1 afirmou que Waldomiro Costa Pereira, assessor do gabinete da prefeitura do município, encontrava-se internado há dois dias no Hospital Geral de Parauapebas, depois de ter sido alvo de um ataque.

O incidente ocorreu muito rapidamente, de acordo com relatos de guardas da unidade hospitalar citados pelo G1, mas foi registado pelas câmaras de vigilância.

A polícia civil brasileira abriu um inquérito, acrescentaram.

A informação mais vista

+ Em Foco

Os portugueses escolhem os seus representantes locais a 1 de outubro. Acompanhe aqui a campanha, os debates e toda a informação sobre as eleições Autárquicas.

    A deriva independentista do nacionalismo catalão está a revelar-se mais grave do que Madrid previa inicialmente. Temos posições que não permitem qualquer margem para diálogo e que conduziram o processo a um impasse.

    Um ensaio do LNEC e do Instituto Superior Técnico, no âmbito do KnowRisk, evidencia a importância da tomada de medidas preventivas. Veja os vídeos e compare os dois casos.

    A Alemanha aproxima-se da data do escrutínio de 24 de Setembro com uma economia próspera: muita exportação, muita construção, receitas fiscais abundantes, orçamentos públicos excedentários. O reverso da medalha é a degradação de condições sociais para uma parte significativa da população.