Metade dos novos casos de Covid-19 no mundo são na Índia

por Alexandre Brito - RTP
Pranav Mishra é ajudado pelos familiares na cremação da mãe que morreu vítima de Covid-19 Reuters

A Organização Mundial da Saúde voltou a alertar esta manhã para a situação grave que se vive na Índia. Cerca de metade dos novos casos que foram reportados em todo o mundo a semana passada são de lá. E uma em cada quatro mortes.

Só nas últimas 24 horas foram reportados mais 382.315 casos. E o número de vítimas mortais bateu um recorde. Morreram 3780 pessoas por causa do vírus.

"A Índia representou 90 por cento de casos e mortes na região, 46% de casos globais e 25% de vítimas mortais, na semana passada", adiantou esta manhã a Organização Mundial da Saúde. 

Na últimas 24 horas o país tornou-se no segundo a ultrapassar a linha dos 20 milhões de infeções. Algo que só tinha acontecido até a agora nos Estados Unidos da América.

Os modelos matemáticos apontam para que hoje a Índia atinja o pico de novos casos, na verdade, alguns dias antes do que há semanas era esperado. Isto porque o vírus espalhou-se e infetou mais pessoas do que inicialmente esperado.

Este aumento louco de infeções levou a que os hospitais tenham rapidamente ficado sem camas e sem oxigénio. Ao mesmo tempo, as morgues e os crematórios foram inundados de corpos.

Há relatos de centenas de pessoas que morreram nas ambulâncias ou em parques de estacionamento quando ainda aguardavam por uma vaga para entrar no hospital.

Na capital, de acordo o ministro dos caminhos de ferro, dois "expressos de oxigénio" chegaram entretanto para ajudar a repor a falta deste bem nos hospitais.

O Governo diz que não há falta de oxigénio no país alegando que o problema tem estado no transporte, o que originou falhas. 

Para piorar as coisas, o aumento de infeções coincidiu com uma quebra na vacinação. Também aqui faltam vacinas.

O primeiro-ministro Narendra Modi tem sido alvo de fortes críticas por não ter agido mais cedo na prevenção desta onda de Covid-19. Foi ele quem autorizou a realização de festivais religiosos e campanhas eleitorais que juntaram milhares de pessoas.

A oposição pede um confinamento geral mas o Governo não quer avançar com medo de colapso da economia. 

Neste momento, a Índia tem 3.45 milhões de casos de Covid-19 diagnosticados mas os especialistas acreditam que os valores reais são 10 vezes mais. 
Tópicos
pub