"Não há alternativa. Os Estados Unidos são o único mediador"

| Mundo
Não há alternativa. Os Estados Unidos são o único mediador

Foto: Mussa Qawasma - Reuters

Na análise do investigador Carlos Gaspar, do Instituto Português de Relações Internacionais, o anúncio dos Estados Unidos compromete o papel de mediador que tinham no processo de paz entre Israel e a Palestina.

Carlos Gaspar considera ainda que com este reequilíbrio de forças no processo de paz para o Médio Oriente, a autoridade palestiniana ganha mais projeção.

Por causa da decisão de Donald Trump, o conselho de segurança das Nações Unidas vai voltar a reunir-se sobre o processo de paz do Médio Oriente.

Relacionados:

A informação mais vista

+ Em Foco

A Redação da RTP votou sobre as figuras e acontecimentos mais destacados, a nível nacional e internacional. Veja aqui as escolhas.

    O embaixador russo em Lisboa afirma, em entrevista à RTP, que as declarações e decisões de Donald Trump sobre Jerusalém podem incendiar todo o Médio Oriente.

    Rui Rosinha, bombeiro de Castanheira de Pêra, sofreu queimaduras de terceiro grau e esteve dez horas à espera de ser internado. Foi operado 14 vezes e regressou a casa ao fim de seis meses.

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.