ONU nomeia nigeriana como coordenadora residente em Timor-Leste

por Lusa
Olufunmilayo Abosede Balogun-Alexander chega a Timor-Leste com uma folha de serviço com mais de 30 anos D.R.-Twitter

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, nomeou a nigeriana Olufunmilayo Abosede Balogun-Alexander, como nova coordenadora residente da ONU em Timor-Leste, anunciou a organização.

Olufunmilayo Abosede Balogun-Alexander, que assumiu funções oficialmente na quinta-feira, tem mais de 30 anos de experiência a trabalhar e a liderar projetos humanitários, de paz e desenvolvimento nas Nações Unidas e em organizações não-governamentais (ONG) internacionais.

Antes de ser nomeada para Timor-Leste, Balogun-Alexander era responsável da Normativa Humanitária e Coordenadora de Ação da ONU Mulheres, agência onde liderou a resposta global das mulheres da ONU às crises humanitárias.

Nas anteriores funções, deu ainda apoio aos escritórios da ONU Mulheres para reforçar a integração de temas de igualdade de género na resposta humanitária das Nações Unidas em países afetados pela crise.

Esteve também destacada na Etiópia e no Quénia, trabalhando com várias instituições, incluindo a ONG Federação Internacional do Planeamento Familiar (International Planned Parenthood Federation).

Liderou a coordenação interagências das Nações Unidas em avaliações conjuntas, no desenvolvimento e aplicação de programas conjuntos da organização, incluindo sobre violência de género, governação e proteção contra a exploração sexual e abuso.

 

 

pub