Pandemia transformou por completo a realidade na costa turística da Gran Canaria

por Antena 1

Foto: Reuters

A ilha espanhola não tem tido visitantes por causa do vírus, e assiste, ao mesmo tempo, a um aumento para o dobro da chegada de migrantes. Duas mil pessoas, oriundas de países africanos, que chegaram de forma clandestina à Gran Canaria, estavam a viver num acampamento improvisado, que foi, entretanto, desmantelado.

Estes migrantes foram colocados em hotéis e, como relata a repórter Daniela Santiago, agora, os comerciantes e os autarcas queixam-se da má imagem para o turismo associando os migrantes a roubos e agressões.
pub