Pelo menos cinco mortos em inundações nos subúrbios da capital grega

| Mundo

|

Pelo menos cinco pessoas morreram hoje em inundações nos subúrbios a oeste de Atenas, depois de chuvas torrenciais durante a noite terem provocado enxurradas de lama e detritos que inundaram estradas, casas e empresas.

Os bombeiros locais dizem que há ainda quatro pessoas desaparecidas, que estão a ser procuradas pelas equipas no terreno.

Todas as cinco mortes (duas mulheres e três homens) ocorreram na zona de Mandra em incidentes separados.

Segundo os bombeiros, uma mulher e um homem foram encontrados mortos nas suas casas inundadas, enquanto os corpos de dois homens foram encontrados em quintais de negócios e o de uma mulher perto de uma estrada.

Os serviços de bombeiros receberam 340 pedidos de ajuda para bombar água de edifícios inundados e resgatar pessoas presas pela subida das águas.

As autoridades locais fecharam escolas nas zonas de Mandra, Nea Peramos e Megara, tendo sido cortado o acesso em partes da autoestrada Atenas-Corinto.

A catástrofe surge um dia depois de a ilha de Simi, no arquipélago de Dodecaneso, ter declarado o estado de emergência por causa de graves inundações que provocaram numerosos estragos, mas não causaram vítimas.

As previsões meteorológicas apontam para a continuação do mau tempo em várias regiões da Grécia nos próximos dias.

Tópicos:

Mandra Nea Peramos,

A informação mais vista

+ Em Foco

O Conselho Europeu informal de Salzburgo tem em cima da mesa dossiers sensíveis, com a imigração e o Brexit no topo da agenda. A RTP preparou um conjunto de reportagens especiais sobre esta cimeira.

    Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

      Em 1995, dois estudantes desenvolveram um motor de pesquisa. Dois anos depois, Andy Bechtolsheim passou um cheque no valor de 100 mil dólares. Nesse dia, fez-se história: a Google nasceu.

        A Austrália enfrenta a maior seca de que há memória, afetando agricultores e criação de gado.