Portugueses afetados pelo Irma estão de regresso

| Mundo
Portugueses afetados pelo Irma estão de regresso

A ver: Portugueses afetados pelo Irma estão de regresso

Foto: Reuters

Os portugueses que estavam retidos em Guadalupe embarcaram no C130 da Força Aérea. São cerca de 70 pessoas, que devem chegar ao aeroporto de Figo Maduro a meio da tarde desta quinta-feira. Chega assim ao fim uma semana de desespero para várias famílias apanhadas pelo furacão Irma. Uma mulher grávida de oito meses não pode embarcar por precaução.

Uma mulher grávida de oito meses não pode embarcar, por precaução.

A informação mais vista

+ Em Foco

Na Grande Entrevista da RTP, o ministro João Matos Fernandes lamentou que os problemas ambientais sejam muitas vezes menorizados.

Foi considerado o “pior dia do ano” em termos de fogos florestais, com a Proteção Civil a registar 443 ocorrências. Morreram 45 pessoas. Perto de 70 ficaram feridas. Passou um mês desde o 15 de outubro.

    Todos os anos as praias portuguesas são utilizadas por milhões de pessoas de diferentes nacionalidades e a relação ambiental com estes espaços não é a mais correta.

      Uma caricatura do mundo em que vivemos.