Quatro pessoas morreram na explosão em Leicester

| Mundo

|

Quatro pessoas morreram na explosão de domingo à noite num prédio em Leicester, no centro de Inglaterra, que provocou a derrocada do edifício e cuja origem não foi ligada a qualquer atividade terrorista.

"Quatro pessoas morreram na explosão em Leicester", anunciou hoje a polícia britânica, num comunicado.

O superintendente Shane O´Neil, da polícia de Leicester, adiantou que pode haver mais vítimas. “Acreditamos que há pessoas que possam não estar localizadas e os esforços de resgate continuam no sentido de localizar eventuais fatalidades”. Há equipas cinotécnicas no terreno em busca de sobreviventes ou, eventualmente, mais vítimas.

O responsável da polícia revelou que não há qualquer indicação de que a explosão possa estar ligada a um ato terrorista. Há equipas de investigação no terreno para tentar determinar o que esteve na origem desta explosão.

No domingo à noite as autoridades britânicas tinham elevado para seis o número de feridos, dois dos quais em estado crítico.

Na altura, a polícia britânica apelou à imprensa e à opinião pública para que evitem especulações sobre as circunstâncias deste incidente, acrescentando que "a origem da explosão vai ser objeto de uma investigação conjunta da polícia e dos bombeiros".

Os bombeiros locais receberam os primeiros alertas da explosão e de um incêndio cerca das 19:00 de domingo (a mesma hora em Lisboa).

As autoridades descreveram o sucedido como "um grande incidente", que obrigou à evacuação de edifícios vizinhos. A explosão fez colapsar um edifício, transformando uma loja no rés-do-chão e dois andares em escombros.

Imagens do incidente divulgadas nas redes sociais mostravam um edifício em chamas e escombros espalhados na rua.

 

c/Lusa

Tópicos:

Leicester,

A informação mais vista

+ Em Foco

O ministro dos Negócios Estrangeiros considera, em entrevista à Antena 1, que Portugal tem a vantagem de não ter movimentos populistas organizados.

    Segundo um relatório da Amnistia Internacional, o número de mulheres vítimas de violência doméstica em Portugal continua elevado.

      Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

        Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.