Republicanos perdem Congresso, mas mantêm maioria no Senado

| Mundo

|

O Partido Republicano deve perder o controlo da câmara de representantes e manter a maioria no Senado, perdendo oito lugares de governador, nas eleições intercalares dos EUA, de terça-feira, de acordo com as ultimas projeções.

Com ainda cerca de 30 lugares na câmara de representantes por apurar, as projeções indicam que o Partido Democrata deverá ficar com 227 lugares, contra 208 dos Republicanos.

No Senado, três corridas estão ainda em aberto, mas as projeções indicam que os Republicanos devem manter o controlo, reforçando com entre um e três lugares (54 contra 46).

Na disputa de lugares de governador, falta ainda decidir os Estados de Wisconsin, Georgia, Connecticut, Alaska e Nevada, mas as projeções mais recentes indicam que os Democratas deverão ganhar oito novos Estados, aumentando a vantagem de 16 que já possuíam sobre os Republicanos.

O presidente Donald Trump telefonou à líder dos democratas na Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, para a felicitar pela vitória do seu partido naquele órgão do Congresso norte-americano.

Trump telefonou igualmente para o líder da maioria republicana no Senado, Mitch McConnell, "para o felicitar pelas conquistas históricas" no Senado.

Tópicos:

Republicanos, Wisconsin Georgia Connecticut Alaska,

A informação mais vista

+ Em Foco

Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      O ex-ministro da Defesa israelita Avigdor Lieberman acumulou diatribes ao longo da carreira política.

        A destruição causada pelas chamas no Estado norte-americano da Califórnia retratada numa galeria de fotografias.