Rússia. Mais de 400 detidos em manifestação pela liberdade de imprensa

| Mundo
Rússia. Mais de 400 detidos em manifestação pela liberdade de imprensa

A ver: Rússia. Mais de 400 detidos em manifestação pela liberdade de imprensa

A polícia russa deteve mais de 400 pessoas que participavam numa manifestação pela liberdade de imprensa, em Moscovo. Entre os detidos está Alexei Navalny, um dos principais opositores de Vladimir Putin.

O protesto foi convocado para contestar a repressão exercida sobre jornalistas no país, depois de o repórter Ivan Golunov ter sido colocado em prisão domiciliária na semana passada por suspeitas de tráfico de droga.

O jornalista foi libertado, o caso arquivado de forma repentina e dois altos responsáveis da polícia suspensos.

A informação mais vista

+ Em Foco

Milícias separatistas apoiadas e armadas pelos Emirados Árabes Unidos tomaram a capital do sul, reforçando a sua posição face aos antigos aliados sauditas.

    Dois anos depois do grande incêndio de Pedrógão, a floresta continua por ordenar e o Governo conta com pelo menos uma década para introduzir as mudanças necessárias.

      Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

        Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.