Skripal. Rússia considera declarações de May "inaceitáveis"

| Mundo

|

Rússia classificou como “inaceitáveis” as declarações de Theresa May, que acusou os suspeitos do envenenamento de Skripal de mentirem.

Theresa May disse que Alexander Petrov e Ruslan Boshirov mentiram na entrevista que deram ao canal russo RT, ao terem dito que estavam em Inglaterra para fazer turismo. Acusou-os de fabricarem “histórias pouco credíveis” para justificar a sua presença de dois dias em solo britânico.

A Rússia já reagiu às palavras da PM britânica, esclarecendo que os dois suspeitos “não têm qualquer ligação ao governo russo” e que são “apenas dois cidadãos do país”. O governo liderado por Vladimir Putin considera ainda “inaceitáveis” as acusações de envolvimento por parte da liderança russa.

O par está acusado pelas autoridades britânicas de tentativa de homicídio no Reino-Unido por envenenarem o ex-expião russo Sergei Skripal e a sua filha Yulia, em Salisbury com novichok, um agente químico de categoria militar, a 4 de março deste ano.

Tópicos:

Envenenamento; Putin; Theresa May; Salisbury; Rússia; Skripal,

A informação mais vista

+ Em Foco

O Conselho Europeu informal de Salzburgo tem em cima da mesa dossiers sensíveis, com a imigração e o Brexit no topo da agenda. A RTP preparou um conjunto de reportagens especiais sobre esta cimeira.

    Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

      Em 1995, dois estudantes desenvolveram um motor de pesquisa. Dois anos depois, Andy Bechtolsheim passou um cheque no valor de 100 mil dólares. Nesse dia, fez-se história: a Google nasceu.

        Os novos desenvolvimentos no diferendo comercial entre os Estados Unidos e a China vieram lançar ainda mais dúvidas sobre os próximos passos que os dois lados poderão adotar.