Tiroteio encerra Pentágono em Washington

por RTP
Yuri Gripas - Reuters

O edifício sede da Defesa dos Estados Unidos foi encerrado durante uma hora esta terça-feira, devido a um tiroteio numa plataforma Metro Bus do Centro de Trânsito do Pentágono, tweetou a Agência de Proteção do edifício.

A Agência de Proteção da Força do Pentágono reabriu o Pentágono pouco antes da hora de almoço e disse que o edifício está seguro.

A cena do incidente "ainda é uma cena de crime ativa", escreveu a Agência na sua conta oficial de Twitter, pedindo ao público que se mantivesse longe das plataformas de embarque no Centro de Trânsito do Pentágono.

"O Pentágono levantou o encerramento e reabriu", disse a Agência, referindo que várias zonas ainda estão bloqueadas, incluindo a entrada para a zona de transportes do Metro Bus.

O tiroteio ocorreu pelas 10h30, (16h30 em Lisboa). O jornal local Arlington Now reportou que "pelo menos três pessoas" foram atingidas a tiro, duas das quais estavam em estado grave, mas não há confirmação oficial do número de vítimas.

Outras informações referem que a polícia procura um suspeito que se pôs em fuga.

Durante o encerramento ninguém pôde entrar ou sair no Pentágono, de acordo com a cadeia CNN.

A agência France Presse, citando os Serviços de Segurança do Departamento de Defesa norte-americano, referiu que os funcionários do Pentágono foram chamados por alto-falantes para permanecerem dentro do edifício, depois dos disparos.
Tiros, uma pausa e mais tiros
Um repórter da Associated Press afirmou ter ouvido vários disparos, seguidos de uma pausa e depois mais um tiro. Outro repórter da mesma agência ouviu a polícia gritar "atirador!"

Uma testemunha, Dave Statter, disse ao Arlington Now ter ouvido "pelo menos uma dúzia de disparos" e assistiu a manobras de ressuscitação em duas vítimas caídas no chão.

A ACFD encontrou múltiplas vítimas, referiu em tweet a Arlington Fire & EMS, a corporação de bombeiros da capital norte-americana. Não foram de imediato providenciadas informações sobre o tipo de ferimentos nem o número de pessoas atingidas.

A plataforma é uma das principais áreas de entrada e de saída do Pentágono, utilizada por milhares de pessoas diariamente. É igualmente ponto de paragem de diversas carreiras de autocarros.

O porta-voz da Agência de Proteção Armada do Pentágono, Chris Laymen, confirmou apenas à CNN que o Pentágono tinha sido encerrado e que o "incidente" estava em curso.

A cena do tiroteio ainda não estava segura e o público devia evitar a área, acrescentou.

As composições de Metro foram aconselhadas também a não parar na plataforma enquanto a polícia prosseguia as investigações.

c/ agências
Tópicos
pub