Tumultos em nova manifestação de "coletes amarelos" em Paris

| Mundo

|

Paris volta a ser palco de tumultos envolvendo os “coletes amarelos”, que protestam pelo 23º sábado consecutivo contra a política social e fiscal do Governo francês.

As forças de segurança repeliram os "coletes amarelos" entre as praças da Bastilha e da República, usando granadas de gás lacrimogéneo. Os manifestantes tentaram já pilhar algumas lojas, além de terem lançado incendiado estruturas como caixotes do lixo e motas.

Ao longo da tarde, a polícia tem vindo a repelir os manifestantes com gás lacrimogéneo, como testemunhou os correspondente da RTP em Paris.



A manifestação, que se realiza pelo 23.º sábado consecutivo, voltou a reunir milhares pessoas nas principais artérias da capital francesa. Até ao meio da tarde, 189 pessoas tinham sido detidas. O Ministério do Interior diz que houve 28 mil manifestantes em toda a França, cerca de nove mil em Paris.

Entre os manifestantes, houve quem contestasse as prioridades de distribuição de dinheiro. “Milhões de euros para a Notre-Dame. E para nós, os pobres?”, podia ler-se num cartaz erguido por um dos protestantes. “Tudo para a Notre-Dame, nada para os 'miseráveis'”, dizia outro cartaz.

Paris estava em alerta depois do ministro do Interior ter argumentado que os serviços de inteligência o tinham informado da possibilidade de voltarem a ocorrer confrontos violentos na manifestação dos “coletes amarelos”.

Boa parte da rede de metropolitano foi encerrada e cerca de 60 mil polícias foram destacados em toda a França.

Há registo de uso de gás lacrimogéneo por parte da polícia em Toulouse, onde milhares de pessoas estão também em protesto.

Desde novembro de 2018 que os "coletes amarelos", incluindo muitos jovens vestidos de preto e de cara tapada, manifestam-se e criam o caos nas ruas de Paris.

O movimento nasceu espontaneamente num sinal de protesto que começou contra a taxação de combustíveis em França e contesta agora a carga de impostos, perda do poder de compra e desilusão geral com o Governo.

Para a próxima quinta-feira, está previsto um anúncio por parte de Emmanuel Macron sobre um pacote económico e social para fazer face aos protestos. Medidas que estiveram para ser conhecidas na passada semana, mas que acabou por não acontecer devido ao incêndio que devastou a catedral Notre-Dame, em Paris.

Tópicos:

coletes amarelos, tumultos, Paris,

A informação mais vista

+ Em Foco

É até hoje a mais icónica das aventuras da exploração espacial. Há 50 anos, o Homem chegava à Lua à boleia da NASA. Percorrermos aqui todos os detalhes da missão, dia a dia.

    O programa Artemis, da NASA, tem como objetivo regressar ao satélite natural da Terra e, simultaneamente, preparar a viagem a Marte.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.