Daniel Mestre segundo e Rafael Reis terceiro na Volta a Castela e Leão

| Outras Modalidades

Legenda da Imagem
|

Os ciclistas Daniel Mestre (Efapel) e Rafael Reis (Caja Rural) foram esta sexta/feira segundo e terceiro classificados, respetivamente, na primeira etapa da Volta a Castela e Leão, ganha pelo russo Alexandr Evtushenko (Lokosphinks).

Mestre e Reis chegaram a sete segundos de Evtushenko, liderando um grupo de 14 atletas, no qual constavam ainda João Rodrigues (W52-FC Porto), no oitavo lugar, e o espanhol Víctor Etxeberria (Radio Popular Boavista), 12.º.

Evtushenko cumpriu os 168 quilómetros entre Aguilar de Campo e Santibañez de la Peña em 3:58.35 horas.

O resto do pelotão chegou a 22 segundos do líder, com Domingos Gonçalves (Radio Popular Boavista) em 19.º, Daniel Freitas (W52-FC Porto) em 22.º, atrás do seu colega de equipa argentino Ignacio Perez (21.º).

No sábado, os ciclistas cumprem a segunda de três etapas, com 166,4 quilómetros entre Velilla del Río Carrión-Sabero e o Alto de la Camperona.

A informação mais vista

+ Em Foco

Em entrevista à RTP, a ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, garantiu que enquanto tiver confiança do primeiro-ministro não vai sair do Executivo.

Jorge Paiva, botânico e professor, um dos maiores peritos da floresta, critica em entrevista à Antena 1 o desinteresse generalizado dos políticos pelos problemas da floresta.

É uma tragédia sem precedentes que vai marcar para sempre o país. O incêndio de Pedrógão Grande fez 64 mortos mais de duas centenas de feridos. Há dezenas de deslocados.

Nodeirinho é a aldeia mártir do incêndio de Pedrógão Grande. É uma aldeia em ruínas, repleta de casas queimadas e telhados no chão. Um cenário de desolação e dor.