Groenewegen vence sétima etapa, van Avermaet segura amarela

| Outras Modalidades

Legenda da Imagem
|

O holandês Dylan Groenewegen (Lotto NL-Jumbo) venceu hoje ao sprint a sétima etapa da Volta a França em bicicleta, após a qual o belga Greg van Avermaet (BMC) conservou a camisola amarela, símbolo da liderança.

Na ponta final dos 231 quilómetros da mais longa tirada desta edição, que ligou Fougères a Chartres, Groenewegen bateu o colombiano Fernando Gaviria (Quick-Step Floors) e o esloveno Peter Sagan (BORA-hansgrohe), segundo e terceiro, respetivamente, com o mesmo tempo do vencedor (5:43.42 horas).

Van Avermaet cortou a meta no 16.º lugar, com o mesmo registo, e mantém o comando, com seis segundos de vantagem sobre o britânico Geraint Thomas (Sky) e oito em relação ao seu colega norte-americano Tejay van Garderen.

A oitava etapa, com 181 quilómetros a ligar Dreux e Amiens, é propícia a uma nova chegada ao sprint.

 

Tópicos:

Chartres, Dreux, Fougères, Greg, Peter Sagan BORA, Tejay,

Pesquise por: Chartres, Dreux, Fougères, Greg, Peter Sagan BORA, Tejay,

A informação mais vista

+ Em Foco

O economista guineense Carlos Lopes considera que a Europa tem discutido as migrações e outras questões africanas, sem consultar os africanos.

    A revelação foi feita durante uma entrevista exclusiva à RTP à margem da cimeira de CPLP, que decorreu esta semana em Cabo Verde.

    Em entrevista à RTP, Graça Machel revela que o grande segredo de Nelson Mandela era fazer sentir a cada pessoa com quem falava que era a mais importante.

    Apesar da legislação contra estas situações, os Estados Unidos são dos países que mais importam produtos em risco de serem produzidos através de trabalhos forçados.