Olímpicos da canoagem apurados para finais da Taça Mundo de Montemor-o-Velho

| Outras Modalidades

Legenda da Imagem
|

A seleção portuguesa de canoagem teve esta sexta-feira o desempenho esperado na I Taça do Mundo de canoagem, com todos os internacionais em competição a apurar-se para as finais em Montemor-o-Velho.

Em K1 1.000, Fernando Pimenta, quinto nos Jogos Olímpicos, venceu a sua meia-final em 3.36,760 minutos, repetindo o feito nos 500 metros com 1.48,912.

Destaque ainda para o K2 1.000 de Emanuel Silva e João Ribeiro, quartos no Rio2016, que venceu a sua meia-final, em 3.20,744 e com isso também vai disputar as medalhas.

Teresa Portela será uma das nove a lutar pelas medalhas em K2 200 e 500, após ter sido, respetivamente, segunda e terceira.

Também a lutar pelo pódio vão estar o K2 500 de Joana Vasconcelos e Francisca Laia e a C2 1.000 de Hélder Silva e Nuno Silva, ambos em segundo, bem como a C1 1.000 de Nuno Barros, que ganhou a sua série.

Entre os cerca de 300 atletas em competição em Montemor-o-Velho estão vários campeões europeus, mundiais e olímpicos, com destaque para o alemão Sebastian Brendel e a neozelandesa Lisa Carrigton.

Portugal, que em 2016 conquistou oito medalhas nesta Taça do Mundo, apresenta a mais ampla representação da sua história em provas da federação internacional, com 40 canoístas nas diversas distâncias.

A informação mais vista

+ Em Foco

No mês do Mundial de futebol a RTP faz uma radiografia da vida na Rússia.

    Entrevista a António Mateus para o programa "Olhar o Mundo". Veja aqui.

    Um olhar aos altos e baixos da relação entre o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un.

      A RTP esteve em 2017 no navio Aquarius, agora acolhido por Espanha com mais de 600 migrantes a bordo. Veja ou reveja a reportagem.