Adoção de crianças por casais do mesmo sexo em vigor há um ano

por Antena 1

Foto: Lucy Nicholson - Reuters

Um ano depois da entrada em vigor da lei que permite a adoção de crianças por casais do mesmo sexo, a associação ILGA Portugal faz um balanço positivo.

Ana Aresta, vice-presidente da associação, destaca a proteção jurídica que muitas famílias passaram a ter.

A associação ILGA diz que é agora necessária mais formação específica para os profissionais que tratam destes assuntos, de modo a que tudo o que está previsto na lei seja de facto realizado na prática, nomeadamente acabar com quaisquer atitudes discriminatórias.