Ambientalistas aprovam recuo em projeto de mina de urânio

| País
Ambientalistas aprovam recuo em projeto de mina de urânio

As associações ambientalistas mostram-se satisfeitas com a decisão do governo espanhol em abandonar o projeto de uma mina de urânio junto à fronteira de Vilar Formoso.

Francisco Ferreira, da Zero, considera que o atual governo espanhol está a ter uma outra atenção para o problema do nuclear.

Opinião semelhante tem a Quercus. Contudo Nuno Sequeira tem receio de que possa haver um recuo na decisão de Madrid em abandonar o projeto da mina de urânio perto de Salamanca.

Apesar dos receios Nuno Sequeira reconhece a diferença que significa a ação do novo governo em Espanha.



Esta segunda-feira o governo espanhol fez saber que abandona o projeto de construção de uma mina de urânio em Alameda de Gardón, perto de Salamanca.

Segundo a agência espanhola de notícias EFE, Madrid diz que a empresa promotora da mina não apresentou a documentação necessária.

Contactado pela Antena 1 o ministério do Ambiente diz que ainda não tem conhecimento oficial da decisão do governo espanhol.

A informação mais vista

+ Em Foco

A Girl Move Academy existe há quatro anos com o objetivo de criar uma geração de mulheres líderes. É um “movimento de capacitação e investimento da mulher”.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      A menos de 100 quilómetros da fronteira com a Síria, a cidade turca de Gaziantep é uma terra de tradições e sabores.

      Fotografias da autoria do artista berlinense Martin Dammann lançam luz sobre o lado mais obscuro da Wehrmacht.