Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos surpreendida com declarações de responsável do IPO Porto

| País
Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos surpreendida com declarações de responsável do IPO Porto

Lusa

Manuel Luís Capelas não percebe as justificações dadas sobre o adiamento de cirurgias ao cancro.

Manuel Luís Capelas não percebe as declarações dadas já que o IPO do Porto prescindiu de uma das duas unidades de cuidados paliativos ao contratualizar camas para a rede nacional de cuidados integrados, o que obriga o IPO a receber doentes que não são oncológicos.


A informação mais vista

+ Em Foco

Meio século depois, o Parlamento soviético dos finais da Guerra Fria repudiou o Pacto. Decorridos mais 30 anos, Putin quer reabilitá-lo.

    A receita da venda desta madeira ultrapassará os 15 milhões de euros, que devem ser investidos na nova Mata do Rei.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.