Cruz Vermelha pode ter de transformar sede em hotel

por RTP

Foto: Cruz Vermelha Portuguesa - DR

Para resolver problemas financeiros, a Cruz Vermelha pode ser obrigada a arrendar a sede, ou seja, o Palácio da Rocha do Conde d'Óbidos, transformando este edifício num hotel.

É uma das possibilidades que vai ser votada esta quarta-feira na assembleia geral da Cruz Vermelha, noticia o jornal Público.

Em 2017, o passivo da instituição era de 63 milhões de euros. Quase metade das estruturas locais tiveram resultados negativos. Um dado que justifica a necessidade de avançar com medidas urgentes.