Detidos suspeitos de burlarem sociedade comercial em 800 mil euros

| País

A Polícia Judiciária (PJ) de Setúbal deteve um homem de 53 anos e uma mulher de 54 suspeitos de se apropriarem de 800 mil euros de uma sociedade comercial a que prestavam serviços de contabilidade, foi hoje anunciado.

Segundo um comunicado da PJ, os dois detidos, que estão indiciados pelos crimes de burla qualificada, falsificação de documentos e branqueamento, recorreram a diversos expedientes, entre 2013 e 2017, para se apropriarem daquele montante.

De acordo com a PJ, os suspeitos fizeram crer aos responsáveis da sociedade comercial que os 800 mil euros correspondiam à "devolução de adiantamentos efetuados para pagamento de impostos em dívida".

Os dois detidos vão ser hoje presentes a primeiro interrogatório judicial, para aplicação de eventuais medidas de coação.

A informação mais vista

+ Em Foco

Um "cemitério de dinossauros" descoberto na Argentina, com 220 milhões de anos apresenta fósseis de uma dúzia de animais.

    Um dia que ficará para a história. O dia em que um dos monumentos mais emblemáticos do Mundo foi apanhado pelo fogo.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.