Encerramento das urgências para grávidas é exemplo de falta de investimento, diz Catarina Martins

| País
Encerramento das urgências para grávidas é exemplo de falta de investimento, diz Catarina Martins

Foto: Rafael Marchante - Reuters

Catarina Martins considera que o encerramento rotativo das urgências para grávidas, nos principais hospitais de Lisboa,é um exemplo irrefutável da falta de investimento na Saúde.

A Maternidade Alfredo da Costa, o Santa Maria, o São Francisco Xavier e o Amadora-Sintra vão fechar portas, à vez, a partir do final de julho, devido à falta de obstetras e anestesistas.

A coordenadora do Bloco de Esquerda fala numa situação de enorme gravidade.

A informação mais vista

+ Em Foco

É até hoje a mais icónica das aventuras da exploração espacial. Há 50 anos, o Homem chegava à Lua à boleia da NASA. Percorrermos aqui todos os detalhes da missão, dia a dia.

    O programa Artemis, da NASA, tem como objetivo regressar ao satélite natural da Terra e, simultaneamente, preparar a viagem a Marte.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.