Enfermeiros. 70% sofrem de ansiedade e 20% de depressão grave

| País
Enfermeiros. 70% sofrem de ansiedade e 20% de depressão grave

A ver: Enfermeiros. 70% sofrem de ansiedade e 20% de depressão grave

Em média, sete em cada dez enfermeiros dizem sofrer de ansiedade e insónia.

E nove em cada dez consideram mesmo ter uma disfunção social.

Um estudo da Universidade Católica, que envolveu mais de 1.200 profissionais, revela que quase dois terços têm uma perceção negativa da própria saúde mental e que sofrem de uma doença física, pelo menos.

Entre os que fazem turnos, 90 por cento dizem que não dormem o suficiente e 20 por cento assumem mesmo que enfrentam uma depressão grave.

O estudo faz notar ainda que o cenário é pior entre os que exercem a profissão em hospitais.

A Bastonária dos Enfermeiros sublinha que estes resultados vão de encontro ao levantamento feito há dois anos pela própria Ordem, e que apontava para um quinto dos profissionais em estado de exaustão.

A informação mais vista

+ Em Foco

O Conselho Europeu informal de Salzburgo tem em cima da mesa dossiers sensíveis, com a imigração e o Brexit no topo da agenda. A RTP preparou um conjunto de reportagens especiais sobre esta cimeira.

    Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

      Em 1995, dois estudantes desenvolveram um motor de pesquisa. Dois anos depois, Andy Bechtolsheim passou um cheque no valor de 100 mil dólares. Nesse dia, fez-se história: a Google nasceu.

        A Austrália enfrenta a maior seca de que há memória, afetando agricultores e criação de gado.