Enfermeiros ocupam topo da lista em horas extraordinárias

por Antena 1

Foto: Rodrigo Lobo - RTP

A pandemia obrigou muitos profissionais do Serviço Nacional de Saúde a realizar muito do trabalho para além do normal. E quem mais horas extra realizou foram os enfermeiros.

De acordo com os dados disponibilizados pela Administração Central do Sistema de Saúde, esta classe realizou, entre janeiro e setembro deste ano, mais 5,5 milhões de horas, com custos a rondar os oito milhões de euros aos cofres do Estado.

A classe médica também não escapa a esta necessidade, mas fica um pouco abaixo dos enfermeiros com cerca de 4,4 milhões de horas extraordinárias.

Valores que fazem com que os gastos no SNS, neste período, fosse o mais caro de sempre.
pub