"Estamos a matar o país", afirma Duarte Caldeira

| País
Estamos a matar o país, afirma Duarte Caldeira

Foto: Paulo Novais - Lusa

O atual presidente do Centro de Estudos de Intervenção e Proteção Civil, Duarte Caldeira, pede explicações para o que aconteceu em Pedrógão Grande, com a morte de tantos civis.

Duarte Caldeira diz mesmo que “estamos a matar o país” e é importante saber o porquê de haver pessoas nas estradas onde os fogos estavam a lavrar com forte intensidade.

O presidente do Centro de Estudos de Intervenção e Proteção Civil explica que é necessário fazer uma gestão alargada e preventiva das zonas periféricas aos fogos.

A informação mais vista

+ Em Foco

Os candidatos à autarquia de Vila Real acusaram, durante o debate da última noite na RTP3, o atual executivo socialista de não ter criado condições para a fixação de pessoas no concelho.

Sem possibilidade de receber os ordenados em euros ou de pagar as contas em Portugal, muitos recorrem ao mercado negro para trocar dinheiro, como constatou a RTP.

É portuguesa a única equipa do mundo que faz o despiste genético de cancro do estômago. Os investigadores viram agora renovado um financiamento que permite desenvolver novos métodos.

Natalidade, envelhecimento, turismo, agricultura, emigração, pobreza, saúde, desigualdades. A Antena 1 fixa o país em duas dezenas de retratos no caminho para as eleições autárquicas de 1 de outubro.