Estivadores e operadores portuários chegam a princípio de acordo

| País

Os estivadores e operadores portuários podem ter "travado" uma paralisação que pairava no horizonte
|

Os estivadores e operadores portuários chegaram de madrugada a um princípio de acordo que poderá colocar termo ao conflito laboral no porto de Setúbal.

O Sindicato dos Estivadores e Atividade Logística e os operadores portuários de Setúbal, sob mediação do Governo, estiveram reunidos na última noite, tendo chegado já de madrugada a um entendimento que o sindicato considerou aceitável e que considera dar resposta a algumas das principais reivindicações dos estivadores.

A posição dos estivadores do porto de Setúbal deverá ser conhecida após a reunião plenária marcada para as 9h00 desta quinta-feira no porto de Setúbal.

Na origem do conflito esteve a situação de precariedade de cerca de 90 por cento dos estivadores do porto de Setúbal, contratados ao turno e sem quaisquer regalias sociais durante mais de duas décadas.

A informação mais vista

+ Em Foco

Em Pedrógão Grande, dois anos depois dos incêndios, quase só os estrangeiros são atraídos para a região.

Uma equipa da RTP acompanhou o curso dos novos seguranças pessoais, "sombras" de quem protegem.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.