Fogo na Mealhada reativou e lavra "com muita intensidade" - Proteção Civil

| País

O incêndio que deflagrou na quinta-feira na Mealhada, distrito de Aveiro, e que foi dominado durante a noite, reativou hoje às 16:53 e está "a arder com muita intensidade", informou a Proteção Civil.

O incêndio tinha sido dado como dominado por volta das 02:00, mas várias reativações ao longo do perímetro do fogo levaram à sua reativação, com as chamas a lavrarem "com muita intensidade", entre Igreja Velha e Pisão, localidades da freguesia de Barcouço, disse à agência Lusa Patrícia Gaspar, da Autoridade Nacional de Proteção Civil.

Segundo Patrícia Gaspar, é provável proceder-se "à evacuação de um lar", em Barcouço.

De acordo com a página da Proteção Civil, o incêndio, às 18:20, era combatido por 258 operacionais, 65 meios terrestres e dois meios aéreos.

O incêndio florestal começou pelas 12:30 de quinta-feira, na freguesia de Barcouço, perto do limite com o município de Coimbra.

Tópicos:

Proteção, Velha,

A informação mais vista

+ Em Foco

A Redação da RTP votou sobre as figuras e acontecimentos mais destacados, a nível nacional e internacional. Veja aqui as escolhas.

    O embaixador russo em Lisboa afirma, em entrevista à RTP, que as declarações e decisões de Donald Trump sobre Jerusalém podem incendiar todo o Médio Oriente.

    Rui Rosinha, bombeiro de Castanheira de Pêra, sofreu queimaduras de terceiro grau e esteve dez horas à espera de ser internado. Foi operado 14 vezes e regressou a casa ao fim de seis meses.

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.