Governo alarga testes grátis até final de agosto

por RTP

A comparticipação a 100 por cento dos testes rápidos antigénio foi alargada pelo Governo até ao fim de agosto. A portaria, publicada hoje em Diário da República, fixa, no entanto, um limite de quatro testes por mês por cada utente.

De fora desta comparticipação ficam as pessoas que já têm certificado, seja de vacinação ou de recuperação, e ainda os menores de 12 anos.

Os testes podem ser feitos em farmácias ou laboratórios autorizados pela Entidade Reguladora da Saúde.
pub