Incêndios. Mais coordenação no terreno teria evitado milhões em prejuízos

| País
Incêndios. Mais coordenação no terreno teria evitado milhões em prejuízos

Nuno Miguel Marques, CEO da Visabeira, uma das empresas afetadas pelos incêndios de outubro, considera que uma melhor coordenação dos meios no terreno teria evitado os prejuízos que se registaram.

Nuno Miguel Marques adianta, em entrevista à Antena 1 e ao Jornal de Negócios, que a empresa teve prejuízos de milhões com os incêndios de outubro, que atingiram o empreendimento turístico de Montebelo, na Aguieira.

O gestor não responsabiliza ninguém mas defende e espera que haja no futuro uma melhor coordenação no terreno dos meios de proteção civil.

Para aliviar o impacto das consequências da interioridade Nuno Miguel Marques concorda com quem defende que haja uma discriminação positiva, ao nível fiscal, para as empresas instaladas no interior.

A informação mais vista

+ Em Foco

No 20.º aniversário da Exposição Universal sobre os Oceanos, a Antena 1 e a RTP estiveram à conversa com alguns dos protagonistas do evento.

    Um dos mais conceituados politólogos sul-coreanos revelou à RTP o modo de pensar e agir de Pyongyang.

    Portugal foi oficialmente um país neutro na 2ª guerra Mundial. Mas isso não impediu que quase mil portugueses tivessem sido deportados, feitos prisioneiros ou escravos pelos nazis.

      Uma caricatura do mundo em que vivemos.