Instituto de Apoio à Criança defende a adopção de bébé abandonado

por RTP

O tribunal já decidiu aplicar ao bebé abandonado a medida cautelar de acolhimento residencial, logo que tenha alta clínica. O Instituto de Apoio à Criança defende que o passo seguinte deve ser a adopção. Com a maior brevidade possível.

A decisão será tomada pelo Tribunal de Família e Menores de Lisboa.
pub