Levantados 2.500 autos por falta de limpeza de mato

| País

O secretário de Estado da Proteção Civil anunciou hoje, no parlamento, que foram levantados, até à data, 2.500 autos de contraordenação devido à falta de limpeza de mato por parte dos particulares e empresas.

"No que diz respeito às ações de fiscalização do cumprimento do sistema nacional de defesa da floresta contra incêndios, até esta data, foram levantados 2.500 autos", disse José Neves aos deputados da Comissão de Agricultura e Mar.

Segundo o secretário de Estado, os 2.500 autos correspondem a infrações na gestão das faixas de combustível florestal, nomeadamente a limpeza de mato por parte de particulares e de empresas.

O governante avançou que 142 autos foram levantados na rede viária, 11 na rede ferroviária, 52 na rede elétrica, 1160 na envolvente de 50 metros das habitações e 515 na envolvente de 100 metros dos aglomerados populacionais.

O secretário de Estado apresenta na Comissão de Agricultura e Mar o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR) deste ano.

A informação mais vista

+ Em Foco

A presidente do CNAPN diz que a chave está nos líderes das mesquitas e pede mais apoio do Alto Comissariado para as Migrações.

    Marco Aurélio de Mello considera que a prisão de Lula da Silva, após condenação em segunda instância, viola a Constituição brasileira.

      Sintra podia ser uma "mini Davos". A sugestão foi feita informalmente por um dos académicos que participou na reunião do BCE concluída em 20 de junho.

        Dados revelados no Digital News Report de 2018 do Reuters Institute.