Litoral Alentejano. Utentes exigem mais profissionais de saúde e instalações dignas

por RTP

Centenas de pessoas, das comissões de utentes do litoral alentejano estão em protesto em frente ao Ministério da Saúde, em Lisboa. Contestam a escassez de cuidados de saúde e a falta de profissionais.

Desde logo enfermeiros mas também médicos, assistentes técnicos e auxiliares no Hospital do Litoral Alentejano.

Quanto aos centros de saúde, a denúncia vai para as condições precárias dos edifícios.

Os utentes garantem que este tipo de problemas abrange vários municípios dos distritos de Setúbal e de Beja e exigem uma resposta urgente da ministra da Saúde.
pub