Operação da GNR "Viajar sem Pressa" regista mais de 13 mil contraordenações

| País

A GNR fiscalizou, entre os dias 12 e 19 de julho, mais de 33 mil condutores e registou 13.672 contraordenações rodoviárias, incluindo 5.601 por excesso de velocidade, no âmbito da operação "Viajar Sem Pressa".

A operação incidiu na fiscalização rodoviária intensiva de controlo da velocidade, com o objetivo de promover "uma cultura que resulte em comportamentos mais seguros por parte dos condutores e na diminuição da sinistralidade rodoviária grave".

Entre as contraordenações detetadas constam ainda 672 por falta de inspeção periódica obrigatória, 527 relacionadas com anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização, 526 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 418 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças e 381 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução.

Foram também detetadas 298 infrações por falta de seguro de responsabilidade civil e 290 relacionadas com tacógrafos.

A GNR alerta que o excesso de velocidade em Portugal continua a constituir uma das principais causas da sinistralidade rodoviária grave, seja pela diminuição do tempo de reação do condutor para fazer face a um imprevisto, ou pelo agravamento das suas consequências em resultado da maior violência do embate.

"Importa salientar que quando a velocidade duplica, a distância de travagem quadruplica e, em caso de acidente, a probabilidade de resultarem vítimas mortais ou feridos graves aumenta oito a 16 vezes", diz a GNR.

A informação mais vista

+ Em Foco

A Grécia agradeceu a Portugal a solidariedade do país pela disponibilidade de receber mil migrantes e refugiados, atualmente alojados em condições precárias naquele país.

A receita da venda desta madeira ultrapassará os 15 milhões de euros, que devem ser investidos na nova Mata do Rei.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.