Pobreza real atinge cerca de 12 por cento das famílias portuguesas, conclui DECO

por Lurdes Dias

Foto: Reuters

Sem dinheiro para as contas da água e da luz, a renda da casa ou mesmo tratamentos médicos, uma em cada dez famílias inquiridas pela DECO vive em "pobreza real".

A Associação de Defesa do Consumidor realizou mais de dois mil inquéritos  e conclui que a pobreza real afeta cerca de doze por cento das famílias portuguesas.

A DECO conclui ainda que a situação em Espanha é ainda pior do que em Portugal.

(Com Marcos Celso)