Polícias e militares marcam para maio vigília junto ao Palácio de Belém

| País
Polícias e militares marcam para maio vigília junto ao Palácio de Belém

Foto: Reuters

Uma presença em massa nas comemorações do 25 de abril e uma vigília por tempo indeterminado junto à residência oficial do Presidente da República são as formas de protesto encontradas pelos militares das Forças Armadas e pelas forças e serviços de segurança contra a falta de respostas do governo quanto às progressões nas carreiras.

O anúncio dos protestos foi feito esta terça-feira numa conferência de imprensa pelo presidente da Associação dos Profissionais da Guarda, César Nogueira, na qual este a jornalista Ana Isabel Costa.

A informação mais vista

+ Em Foco

No mês do Mundial de futebol a RTP faz uma radiografia da vida na Rússia.

    Entrevista a António Mateus para o programa "Olhar o Mundo". Veja aqui.

    Um olhar aos altos e baixos da relação entre o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un.

      Dados revelados no Digital News Report de 2018 do Reuters Institute.