Portugueses detidos em Espanha por exploração de compatriotas

| País
Portugueses detidos em Espanha por exploração de compatriotas

A ver: Portugueses detidos em Espanha por exploração de compatriotas

As autoridades espanholas detiveram três portugueses acusados de explorarem outros 40 portugueses. A alegada rede de exploração laboral foi desmantelada pela Guardia Civil em La Rioja.

São acusados de manter em condições de semi-escravatura os outros 40 portugueses para trabalhar naquela região. Os três suspeitos são naturais de Portugal e residentes em La Rioja.

Entre os detidos está o alegado responsável pela rede. Os outros dois eram responsáveis pelo controlo e vigilância dos trabalhadores.

Segundo a Guardia Civil, o cabecilha português aliciava os trabalhadores com a promessa de boa remuneração, essencialmente em trabalhos agrícolas, mas quando chegavam à região sofriam situações de semi-escravatura e más condições de higiene.

A informação mais vista

+ Em Foco

A presidente do CNAPN diz que a chave está nos líderes das mesquitas e pede mais apoio do Alto Comissariado para as Migrações.

    Marco Aurélio de Mello considera que a prisão de Lula da Silva, após condenação em segunda instância, viola a Constituição brasileira.

      Sintra podia ser uma "mini Davos". A sugestão foi feita informalmente por um dos académicos que participou na reunião do BCE concluída em 20 de junho.

        Dados revelados no Digital News Report de 2018 do Reuters Institute.