Sindicato anuncia que greve nos registos e notariado tem adesão próxima dos 100%

| País

A adesão à greve dos trabalhadores dos registos e do notariado está hoje próxima dos 100%, segundo um balanço do sindicato do setor que a convocou.

A greve, que começou na quarta-feira e termina no sábado, foi convocada pelo Sindicato dos Trabalhadores dos Registo e do Notariado (STRN), que indicou uma adesão de 90% no primeiro dia e superior na quinta-feira.

"Os trabalhadores dos Registos e do Notariado deram nestes já três dias de greve uma clara demonstração que apoiam e se revêm as propostas que o STRN apresentou", diz o sindicato em comunicado.

O STRN acrescenta que "conta com o apoio da esmagadora maioria dos trabalhadores para as próximas reuniões com a tutela".

O STRN, com mais de quatro mil associados, protesta pela não inclusão das reivindicações no projeto de revisão das carreiras e exige nomeadamente a licenciatura em Direito para ingresso na carreira dos Oficiais dos Registos.

O sindicato quer também o reconhecimento dos oficiais dos Registos que desempenham tarefas com "o grau de complexidade funcional 3", já que, desde sempre, os oficiais dos registos substituem os conservadores.

E ver resolvidos problemas relacionados com condições de trabalho e abertura de concursos, ou integração dos trabalhadores do notariado e adjuntos nas respetivas carreiras.

Segundo o sindicato, a secretária de Estado da Justiça, Anabela Pedroso, assumiu na última reunião com o STRN, o envio até ao dia de hoje (o que ainda não aconteceu) da calendarização de reuniões.

No comunicado o sindicato avisa que não aceita discutir matérias tão importantes para a vida de todos os trabalhadores sob nenhum tipo de pressão, "em especial a do pouco tempo para análise conveniente das propostas".

"Assim, o STRN entende que o Governo deve assumir, com responsabilidade e transparência, uma calendarização que dê, ao Sindicato e aos trabalhadores, tempo suficiente para a análise de todas as propostas, as quais devem ser enviadas o mais rapidamente possível", diz-se no comunicado.

A greve termina no sábado. A generalidade dos serviços de registos e notariado funciona durante a semana.

Aos sábados há apenas serviços a funcionar nas lojas do cidadão e nas maternidades.

Tópicos:

STRN,

A informação mais vista

+ Em Foco

Passaram sete anos desde o início das “Primaveras Árabes”. Regimes mudaram, guerras civis rebentaram, houve conflitos que alteraram dinâmicas regionais e vazios de poder que deram origem a Estados falhados.

Veja ou reveja a primeira entrevista de Rui Rio depois de ter sido eleito presidente do PSD.

Na hora da despedida da liderança social-democrata, as juventudes partidárias olham para o legado do ex-primeiro-ministro, com uma pergunta em mente: se Portugal não falhou, o que dizer de Pedro Passos Coelho?

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.