Subcomissário da PSP acusado de agredir adeptos do Benfica defende-se

| País
Subcomissário da PSP acusado de agredir adeptos do Benfica defende-se

A ver: Subcomissário da PSP acusado de agredir adeptos do Benfica defende-se

Começou esta manhã o julgamento do subcomissário da PSP, acusado de ter agredido dois adeptos do Benfica, em Guimarães em 2015.

O polícia, Filipe Silva, afirmou em tribunal que teve uma reação instintiva, dado o stress e a adrenalina do momento.

Acrescenta que o facto de ter sido agarrado pelas costas elevou o grau de ameaça que permite o uso do bastão e garante que não sabia de que tipo de adepto se tratava, que apenas ouviu o insulto e sentiu saliva na cara.

Um dos agredidos, José Magalhães também já prestou declarações e afirmou que não insultou nem cuspiu no agente da polícia.

Filipe Silva responde por dois crimes de ofensa à integridade física qualificada, dois crimes de denegação de justiça e prevaricação e ainda mais dois de falsificação de documentos.

A informação mais vista

+ Em Foco

O Conselho Europeu informal de Salzburgo tem em cima da mesa dossiers sensíveis, com a imigração e o Brexit no topo da agenda. A RTP preparou um conjunto de reportagens especiais sobre esta cimeira.

    Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

      Em seis anos, as investigações sucederam-se, sem poupar ninguém, da política ao futebol e à banca, seguindo a bandeira da ainda procuradora geral, o combate à corrupção.

        Os novos desenvolvimentos no diferendo comercial entre os Estados Unidos e a China vieram lançar ainda mais dúvidas sobre os próximos passos que os dois lados poderão adotar.