Ucranianos. Muitos deles continuam a não receber apoios em Portugal

por RTP

Quatro meses após o início da guerra, Portugal recebeu 43 mil refugiados ucranianos mas só um terço recebeu prestações sociais. A Segurança Social garante que o tempo médio para serem aprovados os apoios é de 12 dias, mas A Prova dos Factos encontrou refugiados que continuam sem apoio, a viver em famílias de acolhimento, e que, sem emprego, não conseguem sobreviver.

pub