Costa recusa sistema eleitoral com "bónus" para o partido vencedor

| Política
Costa recusa sistema eleitoral com bónus para o partido vencedor

Foto: João Relvas - Lusa

O secretário-geral do PS recusou quinta-feira em absoluto mudanças no sistema eleitoral para conceder bónus em mandatos ao partido vencedor e considerou "prematuro" o debate sobre se as eleições europeias e legislativas devem realizar-se em simultâneo em 2019.

"Manifestamente, um sistema que dê bónus na secretaria não faz sentido e seria inaceitável no plano democrático, além de ser inconstitucional, porque distorceria a proporcionalidade. Seria um sistema mau para a democracia", respondeu o líder dos socialistas.

Questionado sobre a possibilidade de as eleições europeias e legislativas de 2019 se realizarem no mesmo dia, o líder do PS respondeu: "Acho que é prematuro estarmos com essa discussão neste momento".

A informação mais vista

+ Em Foco

É impossível passar ao lado de um marco temporal como o dos 100 dias, alvo de tantas avaliações e balanços por parte da imprensa.

    Em entrevista à Antena 1, o Presidente da República diz que o crescimento da economia é o que mais o preocupa agora.

    A RTP agrupa as sondagens disponíveis e traça as tendências do eleitorado para a derradeira votação da eleição presidencial francesa.

      A Associação Adeptos dos Sonhos canalizava 90% do dinheiro recolhido em ações de caridade para uma empresa do namorado da presidente.