Costa recusa sistema eleitoral com "bónus" para o partido vencedor

| Política
Costa recusa sistema eleitoral com bónus para o partido vencedor

Foto: João Relvas - Lusa

O secretário-geral do PS recusou quinta-feira em absoluto mudanças no sistema eleitoral para conceder bónus em mandatos ao partido vencedor e considerou "prematuro" o debate sobre se as eleições europeias e legislativas devem realizar-se em simultâneo em 2019.

"Manifestamente, um sistema que dê bónus na secretaria não faz sentido e seria inaceitável no plano democrático, além de ser inconstitucional, porque distorceria a proporcionalidade. Seria um sistema mau para a democracia", respondeu o líder dos socialistas.

Questionado sobre a possibilidade de as eleições europeias e legislativas de 2019 se realizarem no mesmo dia, o líder do PS respondeu: "Acho que é prematuro estarmos com essa discussão neste momento".

A informação mais vista

+ Em Foco

Nas ruas das cidades angolanas, as caravanas cruzam-se em ambiente descontraído. O cenário repete-se em M'banza Congo.

Os responsáveis pelo parque prometeram valorizá-lo e vão renovar a frota automóvel e envolver operadores privados nas visitas aos núcleos de gravuras rupestres.

O maior banco francês fez soar os alarmes na Europa ao suspender três fundos de investimento relacionados com créditos nos Estados Unidos.

Natalidade, envelhecimento, turismo, agricultura, emigração, pobreza, saúde, desigualdades. A caminho das autárquicas a Antena 1 fixa o país em 20 retratos.