Livre reclamou uma campanha esclarecida

| Eleições Europeias 2019
Livre reclamou uma campanha esclarecida

Facebook

O cabeça de lista do Livre às eleições europeias, Rui Tavares, afirmou que um voto no partido “nunca é um voto desperdiçado” e acusou as forças políticas que já têm lugar em Bruxelas de desaproveitaram a campanha.

“Ouvimos durante toda esta campanha, em todo o país, gente dizer-nos que o Livre merece estar no Parlamento Europeu (PE), ou gente dizer que gostaria de ver eurodeputados e eurodeputadas do Livre no PE, ou gente a reconhecer o mérito de o Livre ter trazido a Europa às europeias”, vincou Rui Tavares, acrescentando que “um voto no Livre nunca é um voto desperdiçado”.

Falando aos jornalistas antes do início da última ação de campanha do partido – na qual o Livre substituiu as habituais arruadas por uma ‘pedalada’ entre o Campo Grande e a Praça dos Restauradores, em Lisboa – o primeiro candidato referiu que “não basta” o reconhecimento, como registou a jornalista Sandy Gageiro.

A informação mais vista

+ Em Foco

Em Orlando, Donald Trump apresentou-se como vítima do jornalismo “fake” e insistiu no ataque à imigração ilegal.

Ján Kuciak e Martina Kusnírová foram encontrados mortos em casa, perto de Bratislava, a 26 de fevereiro de 2018.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.