Parlamento aprova renovação do estado de emergência

por RTP

Só PS e PSD votaram a favor. PCP, Verdes, Chega e Iniciativa Liberal votaram contra, acusando o Governo de provocar a ruína de setores económicos com as restrições. É já a sexta vez que o parlamento decide sobre algo excepcional.

A pedido do presidente, voltou-se a votar a renovação do estado de emergência. A ministra da saúde garante que não é utilizado nem por gosto nem por motivos ocultos.

O balanço foi feito ainda quando se discutiam os efeitos dos estados de emergência anteriores.

Mas apesar dos números, só o PSD voltou a estar ao lado do Governo na renovação do Estado de emergência.

Foi aprovado por larguíssima margem, com votos de PS, PSD e da deputada Cristina Rodrigues. Mas são cada vez mais os que estão contra - PCP, Verdes, Chega, Iniciativa Liberal e Joacine Katar Moreira questionam a eficácia das restrições.

Do lado das abstenções, Bloco de Esquerda, CDS e PAN alertam que o estado de emergência deve continuar a ser uma excepção.

O Governo diz que este é um momento decisivo, como nos quilómetros finais de uma maratona.

Renovação aprovada - é a segunda nesta segunda vaga da pandemia. A terceira está a caminho - o presidente já disse que quer que o estado de emergência se mantenha até 7 de janeiro.
pub