Passos acredita que há imparidades de 20 mil milhões na banca portuguesa

| Política
Passos acredita que há imparidades de 20 mil milhões na banca portuguesa

A ver: Passos acredita que há imparidades de 20 mil milhões na banca portuguesa

O presidente do PSD diz que é uma história da carochinha esperar que seja a Europa a resolver o problema do crédito malparado.

O primeiro-ministro tem dito que a solução virá das negociações com a União Europeia.

Passos Coelho diz que os dois últimos anos foram anos perdidos. Mesmo assim defende que o governo deve ter tempo para ser responsabilizado pelas escolhas políticas.

O líder do PSD acrescenta que o regresso ao poder não deve ser feito com falsas promessas à função pública e aos pensionistas.

A informação mais vista

+ Em Foco

Foram mais de três horas de debate a cinco mas sem grandes novidades. Le Pen defendeu o fim da imigração. Macron foi atacado pelas ligações à banca.

Onde reside "o verdadeiro problema estrutural" da UE? O comentador da RTP Filipe Vasconcelos Romão situa-o na "incapacidade" do projeto europeu para estabeler laços com os cidadãos.

Estarão os nossos equipamentos comprometidos? O especialista em cibersegurança Pedro Queirós alerta para um problema "assustador".

    Em São Bento, uma fotografia denuncia a localização da Fundação Mário Soares, uma instituição de utilidade pública, cujo futuro está ainda a ser pensado.