Programa Nacional de Investimentos aprovado em Conselho de Ministros

| Política

|

O Governo aprovou esta quinta-feira o Programa Nacional de Investimentos 2030. O documento seguiu para a Assembleia da República. Está previsto um investimento de 20 mil milhões de euros para infraestruturas, a maior fatia vai para a ferrovia com uma dotação prevista de quatro mil milhões de euros.

Na ferrovia, o projeto com maior dotação financeira são obras na Linha do Norte, que visam reduzir o tempo de percurso para duas horas entre Lisboa e Porto e atrair mais 30 por cento de passageiros.

Destaque ainda para a eletrificação da Linha do Douro (entre a Régua e o Pocinho), a ligação da Linha de Cascais à Linha de Cintura, a reabilitação da Linha do Vouga entre Espinho e Oliveira de Azeméis, a quadruplicação das Linhas do Minho (entre Contumil e Ermesinde) e Circular (entre Braço de Prata e Chelas. Estão igualmente previstas intervenções na Linha do Algarve e do Oeste.

Os metros de Lisboa e do Porto vão contar com mil milhões de euros para se expandirem até 2020 e 2023. O metro do Porto vai receber 620 milhões e o de Lisboa um total de 445 milhões.
As infraestruturas de transporte e mobilidade vão receber o equivalente a 12,7 milhões de euros, o que representa 92 por cento do total.
A rodovia vai receber uma fatia de 1,5 mil milhões de euros para a criação de faixas Bus nas autoestradas A5 (Lisboa – Cascais) e A28 (Matosinhos- Porto). O objetivo é criar trajetos de autocarro em corredores dedicados nas cidades com mais de 100 mil habitantes.

Para os portos está prevista uma verba de 2,6 mil milhões de euros. O Porto de Sines vai receber mais de mil milhões de euros, a maior fatia. Segue-se o Porto de Lisboa com um investimento de 665 milhões (verba que inclui o novo terminal do Barreiro e o reforço da capacidade de Liscont em Alcântara).

O ambiente tem prevista uma verba de 3.275 mil milhões de euros e na energia prevê-se um investimento de 3.650 mil milhões. Para o regadio, o Plano Nacional de Investimentos destinou 750 milhões de euros.

Tópicos:

Plano Nacional de Investimentos, Conselho de Ministros,

A informação mais vista

+ Em Foco

Em entrevista à Antena 1, o presidente do PS elogia a chamada "geringonça", mas coloca reservas quanto à hipótese de ter BE e PCP num futuro executivo socialista.

    As famílias já pediram o repatriamento, mas o MNE diz que ainda não tem uma solução.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.