PS espera PSD "mais construtivo" com Rui Rio - Carlos César

| Política

O PS espera que o PSD liderado por Rui Rio seja "um partido mais construtivo, mais fiel à sua própria palavra", após um período de "postura errática", afirmou hoje o líder parlamentar socialista, Carlos César.

"Espero o que espero do PSD: um partido mais construtivo, mais fiel à sua própria palavra e que entenda a atividade parlamentar como uma atividade nobre", afirmou Carlos César, questionado sobre as expectativas da nova liderança parlamentar dos sociais-democratas, após a demissão de Hugo Soares, na quarta-feira, e do congresso do partido, no fim de semana.

No final de uma reunião da bancada que durou menos de uma hora, o presidente do grupo parlamentar acrescentou esperar que o PSD olhe a atividade parlamentar como "uma atividade nobre", em que "os partidos se distinguem", mas também "são capazes, de forma cordata, fazer essa distinção e encontrar pontos de confluência quando estão em causa interesses do país".

Quanto às expectativas para o congresso, Carlos César falou em termos genéricos, insistindo que o PSD "não anda à procura de novos aliados", recusando cenários de Bloco Central.

"Aquilo que achamos que é positivo na vida política portuguesa é que cada um dos partidos esteja capacitado para ser um interlocutor válido, para conseguir os consensos e os acordos nas matérias em que estes partidos se aproximam", afirmou.

Já quanto às "restantes matérias, cada um assuma a sua identificação própria e seja claro, perante os eleitores, sobre as alternativas que estão em causa", acrescentou.

Sem nunca se referir diretamente a Pedro Passos Coelho, que no domingo deixa de ser presidente do PSD, após oito anos de liderança, César afirmou que "o pior no caso do PSD tem sido justamente a sua falta de identificação, de contribuição para os consensos" e também "uma postura não construtiva e até errática que tem perturbado a normalidade no quadro politico".

 

Tópicos:

César,

A informação mais vista

+ Em Foco

Uma parte central da Ponte Morandi, em Génova, Itália, desabou na manhã de terça-feira durante uma tempestade. Morreram dezenas de pessoas.

    Há uma nova rota turística pela cidade de Lisboa, baseada em memórias de lisboetas mais antigos. São beneficiários da Associação Mais Proximidade Melhor Vida.

    É um desejo antigo do Homem poder tocar as estrelas. Um feito que parece ser agora "quase" alcançável através da missão espacial solar Parker.

      Entre as 21h00 de domingo e as 8h00 de segunda-feira, o mundo viu uma chuva de Perseidas, espetáculo habitual em agosto. Nos locais mais remotos, foi possível admirar melhor o fenómeno.