PS quer debates entre cabeças de listas dos partidos com assento no Parlamento Europeu

| Política

O "número um" do PS às eleições europeias, Pedro Marques, afirmou hoje querer debates com todos os cabeças de lista de partidos com assento no Parlamento Europeu, considerando-os mesmo essenciais para o combate à abstenção.

Esta posição foi transmitida à agência Lusa através de uma nota do gabinete do cabeça de lista dos socialistas às eleições de 26 de maio próximo.

Pedro Marques considerou que a realização desses debates é importante "por entender que discutir as questões europeias pode ser mais um fator de esclarecimento dos portugueses".

"Ao mesmo tempo contribuirá para fazer face a um dos grandes adversários de todos os partidos, a abstenção", justifica-se na mesma nota.

O candidato do PS manifesta-se disponível para debates "a partir do dia 15 de abril, data limite para a formalização das candidaturas" às eleições europeias.

A informação mais vista

+ Em Foco

A ONU alerta para um ano de grande instabilidade e de necessidades maiores por parte da população civil.

Os dias estão mais quentes e não é por causa do advento da primavera. A razão está identificada - as alterações climáticas fazem-se sentir em todo o planeta e as consequências espelham-se em fenómenos extremos.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.