Fábio Silva promete “personalidade” dos sub-21 para ganhar à Geórgia

por Lusa
Reuters

O avançado Fábio Silva afirmou hoje que a seleção nacional de futebol de sub-21 quer entrar em campo “com personalidade e ganhar o jogo” diante da Geórgia, no sábado, na preparação para o Europeu de 2023.

“Vamos tentar fazer o nosso normal, que é entrar com personalidade e ganhar o jogo”, sublinhou o jogador cedido pelos ingleses do Wolverhampton aos belgas do Anderlecht, na conferência de imprensa que antecedeu mais um treino dos sub-21, na Covilhã.

Fábio Silva, de 20 anos, salientou que o mais importante nesta semana de treinos tem sido trabalhar o que Rui Jorge pede para que a equipa evolua, conhecer os colegas e o entrosamento entre todos.

“Ainda não tivemos tempo de analisar o adversário. Sabemos que vai ser um contexto bom, porque vai ser uma equipa que vai estar presente no Campeonato da Europa e de grande nível para nos ajudar a preparar”, destacou o ex-jogador do FC Porto, sobre a seleção de um dos países anfitriões da fase final da competição.

Melhor marcador do grupo às ordens do selecionador, e com um arranque de temporada em que soma sete golos em 15 jogos pelo Anderlecht, Fábio Silva vincou não estar a pensar se sábado vai “marcar ou não”.

“O meu jogo vai além dos golos, passa por ajudar a equipa nas minhas movimentações, ajudar ofensivamente, defensivamente e, no final, juntando tudo, estou mais perto de fazer golos e ficarei muito feliz por ajudar a seleção nacional”, enfatizou o dianteiro luso.

Com a partida marcada para as 17:00 de sábado, no Estádio Santos Pinto, casa do Sporting da Covilhã, o jogador referiu não terem sido abordados nos treinos de preparação, a decorrerem no Complexo Desportivo da cidade, as dimensões do campo.

“Fomos informados de que o relvado estará nas melhores condições para pormos em prática aquilo que fazemos no treino. Temos de nos adaptar a todas as dimensões e às características do campo”, disse um dos candidatos ao prémio ‘Golden Boy’, que distinguirá o melhor jogador europeu sub-21.

Fábio Silva manifestou-se “muito feliz” por “as coisas estarem a correr bem” no Anderlecht, por esse percurso lhe permitir voltar a estar ao serviço da seleção nacional.

Depois da dispensa do bracarense Vitinha, a recuperar de uma lombalgia, Rui Jorge chamou Tiago Tomás, avançado emprestado pelo Sporting ao Estugarda, que hoje já integrou os trabalhos.

Vasco Sousa, médio do FC Porto, treinou condicionado, devido a uma mialgia da coxa esquerda.

Portugal defronta a Geórgia em jogo particular a disputar no sábado, no Estádio Santos Pinto (17:00), na Covilhã, e a receita de bilheteira reverte para os Guardiões da Serra da Estrela, com o intuito de mitigar a devastação provocada pelos incêndios em agosto.

O Campeonato da Europa de futebol de sub-21 vai decorrer na Geórgia e na Roménia, em 2023.
pub